Já reparou que quando você entra em supermercados de uma rede grande, normalmente as coisas estão no mesmo lugar? Isso não e coincidência. E estratégia. Ter uma loja organizada não é garantia de resultado, mas se seu cliente não consegue achar seus produtos, dificilmente vai conseguir comprar. Para isso a gente deve organizar os produtos em categorias ou departamentos. Para que as coisas fiquem mais arrumadas e de mais fácil acesso. Em nossa loja, podemos criar categorias de forma a classificar os produtos por assunto. Não há limite de produtos por categoria, mas alguns cuidados devem ser tomados: Evite categorizar demais. Uma lista de 200 categorias confunde mais do que ajuda. Tente não colocar produtos demais na categoria. E muito chato se deparar coma 500 produtos em uma categoria. Neste caso e melhor tentar mover algumas para outras. Um recurso que nossa loja tem é de aninhar categorias, ou seja,…
O mercado de comércio eletrônico da Rússia no primeiro semestre de 2019 cresceu 26% em relação ao ano anterior. Segundo informou o diário Vedomosti no último dia 02 de setembro, o valor foi de US$ 11 bilhões). O número de compras online foi de 191 milhões no período coberto pelo relatório — um recorde de 44%. Os maiores varejistas do e-commerce representaram a maior parte do crescimento. O varejista Wildberries, líder do mercado eletrônico Rússia, quase dobrou seus pedidos — fechou em 61 milhões, respondendo por quase um terço das compras online na Rússia. Os dados da própria empresa elevaram o faturamento no primeiro semestre de 2019 em US$ 1,27 bilhão). Segundo informado, foi um aumento de 79% — e deve superar os 200 bilhões de rublos (US$ 3 bilhões) em 2019. Gigantes da RússiaO Wildberries é o maior site de comércio eletrônico da Rússia e vem crescendo vertiginosamente nos…
As vendas do comércio eletrônico no Estado de São Paulo registraram alta de 11,1% no segundo trimestre de 2019 – em relação ao mesmo período de 2018 –, com um faturamento real de R$ 4,67 bilhões. Nos seis primeiros meses do ano, o avanço foi de 10,5%, de acordo com a Pesquisa Conjuntural do Comércio Eletrônico (PCCE), elaborada pela Entidade em parceria com a Ebit/Nielsen. De acordo com a assessoria econômica da FercomercioSP, o desempenho do varejo online tem sido melhor do que o do varejo físico. Contudo, a Instituição acredita que seja necessário aprimorar a infraestrutura para que os marketplaces funcionem melhor. O controle para redução de fraudes no sistema, principalmente em relação aos meios de pagamentos, é uma das sugestões para os empresários. No segundo trimestre de 2019, os bens duráveis seguiram na liderança do faturamento do setor, concentrando 64,3% das receitas e com um tíquete médio de…
O consumidor entra na loja com celular na mão, mas sai sem comprar nada. Depois, recebe notificação da loja com alguma oferta ou promoção e volta ao local apenas para retirar o produto. Essa situação será cada dia mais comum na jornada do cliente, em uma fusão que desafia o varejo: a loja 4.0. A ideia é entregar a experiência cada vez mais conectada entre online e offline, e alavancar as vendas do e-commerce com a ajuda da loja física, segundo Fabíola Paes, co-fundadora da startup de tecnologia Neomode, no Abrafarma Future Trends, realizado nesta semana em São Paulo. “O conceito de loja 4.0 é usado para designar o novo modelo das lojas, voltado para o uso de tecnologias e maior integração entre os estoques físicos e a loja virtual, com o objetivo de melhorar a experiência do cliente”, explica. “Em média, 80% dos consumidores compram em loja física. Estamos…
O dia do cliente foi criado no ano de 2003 e é comemorado no dia 15 de setembro, visando desenvolver uma relação de fidelidade entre comerciantes e os consumidores. A data proposta pelo especialista em Marketing e Recursos Humanos, João Carlos Rego, se apresenta como uma das maiores oportunidades do mês para os varejistas. Geralmente o mês de setembro costuma ser um dos mais fracos para o comércio, já que antecede datas como Black Friday e Natal, onde existe um pico muito grande de compras. O próprio governo está incentivando o consumo nesse mês do ano, lançando o projeto “Semana do Brasil” onde alguns varejistas do país devem oferecer produtos com desconto por ter isenção de impostos como por exemplo: IPI e ICMS. Como você pode aproveitar essa data para alavancar suas vendas online? Essa pode ser a sua melhor oportunidade para trabalhar a experiência de compras e fidelizar clientes…
Página 1 de 4